segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Morre o fundador da rede Sarah de hospitais

Morreu ontem, em Brasília, o médico ortopedista Aloysio Campos da Paz Júnior, fundador da Rede Sarah de Hospitais, aos 80 anos, de insuficiência respiratória. Ele vinha sendo internado com frequência em um dos hospitais da rede, na capital federal. Com a saúde fragilizada, não resistiu. A morte foi registrada às 14h30. Ele deixou esposa, Elsita Campos, três filhos e quatro netos. Segundo breve nota divulgada pela instituição, o ortopedista “deixa um marco na história da medicina brasileira”.
Campos da Paz nasceu no Rio de Janeiro em 1934. Graduou-se em Medicina pela UFRJ em 1960. Recém-formado, integrou a primeira equipe médica do Hospital Distrital de Brasília em 1960, implantando a Unidade de Traumato-Ortopedia. Logo a seguir, em 1961, assumiu a direção do então Centro de Reabilitação Sarah Kubitschek. Fez pós-graduação em ortopedia e reabilitação na Universidade de Oxford, na Inglaterra, entre 1963 e 1964. O doutorado em ortopedia e traumatologia foi concluído em 1966, na UFMG. O Hospital Sarah foi inaugurado em 12 de setembro de 1980. A partir de 1993, a rede passou a ser ampliada para outras cidades: São Luís, Salvador, Belo Horizonte, Fortaleza, Rio de Janeiro, Macapá e Belém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário